Dica de Carreira 56 – Dica de Leitura: Pipeline da Liderança – Ram Charan

Pipeline da LiderançaOlá, Pessoal,

Desejo que tudo esteja muito bem com vocês!

Ler para mim é um momento sublime, gosto muito de leitura e sobretudo útil e realista.

Tem alguns livros que recomendo para o pessoal que vou postando por aqui ao longo do tempo…

Um livro bem importante para quem quer uma carreira executiva é o livro Pipeline da Liderança do Ram Charan.

Pipeline, em uma tradução para fazer mais sentido aqui, seria um tubo condutor de um estágio ao outro. O livro explicar as diversas passagens na carreira: desde você sendo o “contribuidor individual” que é aquele que recebe tarefas e executa ao mais alto nível de liderança.

Vale a pena ler! Recomendo inclusive que você se foque no estágio de carreira que estiver. Se você for gestor de primeira viagem este livro é imprescindível: leia a primeira passagem para evitar os erros básicos e comuns de quem “não vira a chave”.

Ah, aproveito e coloco o vídeo sobre o tema da AfferoLab que lhe dará uma visão geral:

Sucesso e boa sorte!

Abraço,

Debora.

Dica de Carreira 55 – Planejamento de Carreira: Modelo de Plano de Carreira

performance2Olá, Pessoal,

Espero que esteja bem!

Atendendo a milhares de pedidos :-D, passei o plano de carreira para o excel…

Anexo no link a seguir: Template_Plano de Carreira_v201509_v0.1 (Pode baixar tranquilamente o arquivo 🙂 )

Template_Plano de Carreira_v201509_v0

Projeção Salário e Idade

Atenção:

  • Há algumas células em cinza que não devem ser editadas.
  • A parte de salário você pode projetá-lo mexendo no aumento – isto é, apenas na linha 6. Ou você pode editar a linha 5, fixando o salário que deseja -> neste caso, você terá de editar a fórmula.

Lembre-se de que o Plano de Carreira é um norte… a vida pode te surpreender fazendo melhor do que está lá! Como também podem haver coisas que não aconteçam… fique atento (a) aos sinais da vida… e acredite: o melhor para você sempre vai acontecer.

Um grande abraço,

Debora.

Refletindo com a alma 01 – Recorte de “O Tao” de Dadi Janki (BK)

Olá, Pessoal,

Distante daqui fisicamente, mas não em pensamentos… Meus votos que você que esteja lendo esteja bem sempre!

Estava fazendo uma leitura que realmente mexeu com os sentidos, seguem alguns recortes sobre “O Tao” de Dadi Janki da Brahma Kumaris.

Não vou falar muito: sobre ela, a BK e o texto, propositalmente… se te encantares, te instigo a buscar mais…

“SIMPLICIDADE

Conhecer os outros é sabedoria;
conhecer a si próprio é iluminação,
ter maestria sobre outros requer violência;
ter maestria sobre si próprio requer força.

Estar feliz onde você está é estar contente,
estar contente é estar eternamente presente,
estar eternamente presente é O Caminho.

*
Aqueles que sabem não falam.
Aqueles que falam não sabem.

Mantenha sua boca fechada,
proteja seus sentidos.
Abrande sua rigidez.
Simplifique seus problemas.

Acautele-se sobre qualquer situação
que requeira novas vestimentas.

Aquele que atingiu esse estado é feliz com amigos e inimigos,
está confortável com o bom ou com o mal,
com a honra e a desgraça.

Este é o mais elevado estágio do homem.

*
As cinco cores cegam os olhos.
Os cinco sons ensurdecem os ouvidos.
Os cinco sabores entorpecem o paladar.

Ter e perder irrita a mente.
Coisas preciosas guiam para fora do caminho.
O sábio, portanto, é guiado pelo que sente, e não pelo que vê.
Ele abandona aquilo e escolhe isto.

*

Esvazie-se.
Deixe a sua mente descansar.
Todas as coisas do mundo sobem e descem
enquanto a alma observa o retorno.
Tudo cresce e floresce e, então, retorna à sua origem.
Retornar à origem é quietude.
Isso é imutável, eterno.
Conhecer essa constância libera a mente.

Uma mente livre gera um coração aberto.
Com o coração aberto, você agirá com realeza.
Sendo real você alcançará o divino.
Sendo divino você será, verdadeiramente, você.
O seu eu eterno.

O corpo morre.
A alma nunca morrerá.”

 

“RESPONSABILIDADE

Aceite sua vida com vontade,
aceite obstáculos como parte da condição humana.

O que você quer dizer por ‘Aceite sua vida com vontade’?
Navegue as ondas altas e também as baixas,
não se preocupe com perdas ou ganhos.
Isso é ‘Aceitar sua vida com vontade’.
O que você quer dizer com ‘Aceite obstáculos como parte da condição humana’?
Obstáculos são parte do seu aprendizado.
Sem obstáculos, como poderia haver vida?

Renda-se com vontade;
então, a você poderá ser confiado cuidar de todas as coisas.
Ame o mundo como a si mesmo;
então você poderá, verdadeiramente, cuidar de todas as coisas.

Quando a Verdade é perdida,
surgem a caridade e a autojustiça.
Quando a inteligência e a sabedoria nascem,
começa o grande fingimento.

Conheça a força do homem,
mas mantenha o cuidado de uma mulher!
Seja a correnteza do universo!
Sendo a correnteza do universo,
Sempre verdadeiro e leal,
torne-se, novamente, uma criança.

Conheça a honra,
e mantenha a humildade.
Seja o vale do universo!
Sendo o vale do universo,
sempre verdadeiro e versátil,
retorne ao estado de uma pedra pronta para ser esculpida.

Quando a pedra está esculpida,
ela se torna útil.
Quando o sábio a usa, ele se torna o governante.
Enfim, “um bom alfaiate, portanto, corta pouco.

O melhor bem é como a água.
Flui por lugares que os seres humanos rejeitam.
Dá vida sem nenhum esforço.

Portanto:

Na habitação, permaneça próximo à terra.
Na meditação, vá fundo no coração.
No trato com outros, seja gentil e amável.
Na fala, seja verdadeiro.
Na governança, seja justo.
Nos negócios, seja vigilante.
Nas ações, preste atenção ao tempo.
Deixe seu coração ser como a água.
Ela fluirá por lugares que os seres humanos rejeitam.
Ela trará vida sem nenhum esforço.”

Fonte: Brahma Kumaris (2015) – Acesso em 09/08/2015 – Disponível em:<http://www.brahmakumaris.org/brazil/brazil/news-and-media-pt/articles-pt/faq.2007-12-10.0025582657/typea.2007-12-10.0626108052&gt;

 

Dica de Carreira 54 – Planejamento de Carreira: 10 perguntas antes de buscar uma nova oportunidade…

Olá, Pessoal,frases-de-reflexao-36

Espero que estejam bem! 😀

Muitas pessoas me perguntam como procurar um emprego…procurar um emprego é simples… mas não recomendo!

Recomendo buscar algo que te faz pulsar…que te faz acordar todos os dias com aquele sentimento: Bom dia para você que ama o que faz! Aí você será incrível e viverá experiências incríveis…Viver é mais do que deixar passar 24 horas… Viver é ser protagonista de sua história!

Só que: é preciso ter tempo para buscar essas respostas que, posso dizer, não virão em um dia…

Antes de buscar uma empresa, um trabalho ou qualquer coisa do gênero é preciso descobrir o que realmente você quer…

Certa vez, estava nesta busca… e comecei a elencar o que faria meu coração feliz… o que eu poderia fazer que eu pudesse ser eu mesma…não tinha escolhido “a empresa A”, tinha escolhido valores que eu gostaria de usar no meu dia a dia, uma função que eu pudesse me sentir útil e fazendo de uma forma que, modéstia a parte, eu faria “como ninguém”, como seriam as pessoas que eu gostaria de trabalhar… eis que depois de um tempo fui sintonizando a frequência destas escolhas… E acredite, você pode ser surpreendido: mais que sonhava, baby… 😀

Talvez em algum tempo, possa ser preciso revisitar tudo isso, afinal a vida vai mudando…Porém, considero que as perguntas que vou compartilhar com vocês têm uma profundidade grande, quase como se fosse ver a essência de sua alma… e aí, mudar, mudar, acho que não… talvez pequenas atualizações…

É preciso começar a pensar de uma forma diferente na carreira, certeza que a segunda vez será mais fácil… a primeira sempre requer mais esforço… Vamos lá…, a seguir, compartilho 10 perguntinhas simples para começar a brincadeira:

  1. O que faz você feliz?
  2. Você tem ideia de sua missão de vida?
  3. Onde você quer chegar?
  4. O que você está buscando é para quanto tempo? 1 ano, 2 anos, 3 anos, 10 anos?!
  5. Como estará sua vida neste período que você respondeu na questão anterior?
  6. Qual poderia ser um trabalho que você pudesse ser você mesmo (a)?
  7. Como você gostaria que fosse sua rotina? Aliás, você quer rotina ou algo desafiador?
  8. Com que tipo de pessoa você quer trabalhar?
  9. Quais valores você quer usar no seu dia a dia?
  10. Como você gostaria que as pessoas falassem a seu respeito? (Imagine algumas pessoas falando sobre você… o que gostaria de ouvir?)

Enfim… olhe para dentro, antes de olhar para fora…

Quando achar essas respostas, aí sim… dê um próximo passo que é pesquisar mais informações sobre este tal “trabalho” que você busca..

Essas perguntas fazem parte da seção “Autoconhecimento” da dica 52. Porém, muita calma nesta hora… foca nesta parte que você já vai ter trabalho… Depois você vai para a parte de pesquisa. (Acesse: https://dicasdecarreira.com/2015/02/15/dica-de-carreira-52-material-planejamento-de-carreira/)

Muita paz, coragem e foco nesta busca!

Abraço,

Debora.

Dica de Carreira 53 – Sua performance – Estude Inglês!

Olá, Pessoal!

Hoje em dia Inglês já não é mais diferencial, Inglês é necessidade… e você nem precisa gastar muitos Reais, Dólares ou Euros para poder começar.

Recentemente, descobri o Bussu (vai ser o tema do meu trabalho da Pós em Educação à Distância) fiquei E-N-C-A-N-T-A-D-A! Ainda estou no meu segundo acesso analisando…

Grátis, design bonito, colaborativo e com conteúdo de qualidade (me apaixonei)… 😀

A versão grátis é uma maravilha! Lógico que por ser free tem recursos limitados e causará mais efeito para quem começa do zero… Mesmo se você tiver estudado, de repente vale a pena para fazer algumas revisões!

Por hora, só deixo a dica… você conectando tirará suas próprias conclusões!

Acesse: www.busuu.com

Imagem1

 

Créditos da Imagem: Bussu

 

Espero que aproveitem!

Abraço,

Debora.

Dica de Carreira 52 – Material Planejamento de Carreira

Olá, Pessoal, Compartilho com vocês um material que fiz sobre Planejamento de Carreira. A ideia é aprofundar o tema aos poucos, mas já posto pois pode ser um bom guia para você começar seu planejamento.

Este material é para utilização apenas no blog, download não permitido.

Dica de Carreira 51 – Sua Performance – Cursos grátis de altíssima qualidade

performance2Olá, Pessoal,

Feliz 2015! 😀

Espero que estejam todos bem… me alegro por saber que as visitas continuam acontecendo no blog, mesmo sem que eu esteja escrevendo ou passando por aqui com mais frequência… Meu muito obrigada!!!

Este post é breve e direto… quase sempre quando alguém pede para eu revisar os cvs fico um tanto desapontada com aqueles currículos cujo último curso foi em mil novecentos e bolinha…

Há quase 30 anos, sempre faço pelo menos um cursinho por ano… Você deve ter pensado, desde o pré?! Isso aí, nunca parei de estudar… coisa de nerd?! Talvez…

Sou obrigada a admitir que adoro estudar… mas mais que qualquer coisa, gosto de estar em movimento… não sou aquela que a acha a teoria perfeita e vive só dela… quem me conhece que o diga, porém sempre digo, há que estudar para não vir com ideias brilhantes como “inventar a roda” – afinal ela já existe! Se tivéssemos estudado, talvez soubéssemos e por fim, faríamos propostas mais interessantes…

Falei que iria ser direta, porém comecei a ficar animada quando coloquei alguns argumentos para vocês… não basta compartilhar a ideia, tenho que argumentar… rs

Nada de desculpa de:
“Ah, não tenho tempo…”
“Ah, não tenho dinheiro…”
“Ah, não sei onde tem curso grátis…”
Seus problemas acabaram, eis que vos apresento algumas coisinhas maravilhosas que descobri na Pós… 😉

Abaixo alguns sites com excelentes cursos grátis:

Em alguns destes, caso você queira emitir o certificado pode ser necessário o pagamento. Hoje em dia, você está na era do conhecimento – vale aquilo que você sabe e não o certificado que você tem… Se quiser, ok, compre… Se não quiser, ao final, imprima a folha com sua presença e isso poderá ser um registro.

Ah, só mais uma coisa…
Não coloque no cv algo que você não saiba falar… Se você fez o curso e não absorveu o bastante para dar um ponto de vista sobre o assunto, NÃO COLOQUE NO CV… isso poderá ser um tiro no pé.

Espero que aproveitem e caso tenham sugestões, me avisem, por favor, que eu posto e compartilho!

Um abraço e até a próxima…
Debora.

Dica de Carreira 50 – Sua Marca: Você: custo ou investimento?!

Personal Branding Social Network

Olá, Pessoal,

Espero que estejam bem!

O post de hoje nasceu na aula de Cargos e Salários desta semana… lá estava eu explicando para “a turma” o que significava o salário… aí aparece este slide, de acordo com Chiavenato 😉 :

Aula vai, aula vem… Perguntei: você é um custo ou um investimento?!

Eis que fica silêncio no recinto acadêmico… a reflexão bateu na porta, entrou e sentou na primeira fileira… provocativa a reflexão gerou comentários…

– “Ah, eu sou um investimento! – c-e-r-t-e-z-a”

Será mesmo?!

De acordo com o Guia de Investimento (2014): “Investimento é a aplicação de algum tipo de recurso com a expectativa de receber um retorno futuro superior ao aplicado.”

Com base neste conceito, há de se refletir… quando uma empresa nos contrata, ela espera que no mínimo façamos aquilo para que somos pago… mas que obviamente espera que agreguemos valor… Agregar valor significa ir além, fazer o que consta acordo e um pouco mais…

Nada adianta fazer algo diferente do que se espera de nós no sentido de colocar foco para algo legal de se realizar e deixar fora do holofote aquilo que é o “chato” da função… este que você deveria fazer como prioridade, porém que procrastina.

Daria para fazer mais analogias sobre ser um investimento… risos…(sim, eu adoro analogias)…

  • Você traz segurança para seu investidor?
  • Qual o risco que o investidor corre em investir em você?
  • Você é um investimento estável ou estável com rendimento progressivo?
  • Qual é seu índice de valorização?
  • Você é um rendimento atrativo para o mercado?
  • Você é um rendimento com bom índice de liquidez? (de uma maneira muito “não-financeira” – liquidez é a capacidade de um “negócio” converter-se em dinheiro – um imóvel, por exemplo, não é rápido e facilmente convertido em $$$).
  • Em quanto tempo você começa a dar retorno?

Sugiro dar uma pensadinha nessas questões e principalmente na inicial do post… ela não é um pergunta “doce”, porém racional o bastante para lhe ajudar a ver sua carreira de uma forma pragmática e estratégica…

Boa reflexão!

Um abraço,

Debora.

Referências Bibliográficas:

  • Meu blog como teacher: http://profdeboramiceli.wordpress.com/adm-de-cargos-e-salarios/
  • Guia de Investimento: http://www.guiadeinvestimento.com.br/conceito-e-definicao-de-investimento/ – acesso em 26 de abril de 2014.

Licença Creative Commons
Blog com Dicas de Carreira de Debora Miceli é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil.
Based on a work at www.dicasdecarreira.com.

Dica de Carreira 49 – Sua Marca: Se fossem te descrever por meio de valores, quais seriam marcantes?!

Personal Branding Social Network

Olá, Pessoal!

Antes de qualquer coisa, compartilho duas tiras da Mafaldinha que falam por si:

Mafalda_Valores

Mafalda_Inquilino

Falar de valores parece “careta”, mas se você não tiver muito claro quais são os seus, você sem perceber pode deixá-los de lado…

Quando questiono às pessoas sobre seus valores, geralmente elas respondem: confiança, honestidade, respeito…

Não é que eu não acredite, 😉 … mas quando eu pergunto a elas se elas já cometeram erros no trabalho e o que fizeram com eles, a resposta é: bem, sabe como é… blá, blá, blá…

Algumas vezes por medo das consequências, as pessoas se esquecem de que ocultar um erro não é tão honesto assim… justificar ou terceirizar é ainda pior… e que isso infringe claramente os valores: confiança e respeito.

Bem ou mal, tudo que é feito um dia vem à tona um dia… assim, ou você se responsabiliza em tempo real e não joga debaixo do tapete nem pequenas migalhas zerando as contas à medida que você as faça, ou ao longo do tempo isso poderá ser acumulo nocivo.

Além disso, você já pensou como você trata as pessoas no ambiente de trabalho?! É como você gostaria de ser tratado?!

Mais do que dar milhares de exemplos, vamos lá…

Sugiro que você revisite seus valores e responda à pergunta que é título do post… Se fossem te descrever por meio de valores, como te descreveriam?!

“A Debora é: xxxx e pude comprovar isso em uma situação XYZ…”

Escreva exemplos… sem fatos não há argumentos… rs 😀

Boa lição de casa e até mais!

Abraço,

Debora.

Licença Creative Commons
Blog com Dicas de Carreira de Debora Miceli é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil.
Based on a work at www.dicasdecarreira.com.

Dica de Carreira 48 – Planejamento de Carreira: Você quer ir mais longe ou mais rápido?

imagesPessoal, hello!

Outro dia em uma das conversas sobre carreira por aí, questionei a um talento (de menos de 30 anos): você quer ir mais longe ou mais rápido?

Sabiamente, uma das pessoas mais admiráveis que conheço (acima de 50 anos), que estava nos escutando, respondeu: Ah, quero ir mais longe e mais rápido! Quero o caminho da eficiência.

Esta reflexão dá para pegar o expresso Hellmann’s (leia-se: viajar na maionese) e descer na última estação, não é?!

Antes de qualquer coisa, é preciso descobrir até onde você quer chegar:

  • Que função? Com qual conteúdo? Isso tem nome de cargo?
  • Em que tipo de ambiente?
  • Com que tipo de responsabilidade?
  • Com que idade?
  • Com que rendimento?
  • Qual será o cenário de sua vida pessoal?

Seria muito fácil questionar que cargo você quer ter: quer ser gerente, diretor ou um especialista? Mas se assim o fosse, seria rotular e tratar superficialmente este tema tão importante.

Em um segundo passo, uma vez que você responde a aquelas perguntas, cabe a você fazer o planejamento de trás para frente…

Em uma cenário comum, onde um Pleno/Sênior almeja altos vôos em um cargo de gestão em um universo de 10/15 anos… para que ter pressa?!

Muitas vezes (e confesso que eu já fui assim) tinha uma pressa de chegar ao destino que me tirava o foco da viagem… quantas vezes perdemos a beleza e o desfrute do caminho porque só pensamos no ponto final.

Não só é necessário, mas é crucial que se tome consciência disso enquanto há tempo. Seria péssimo descobrir que não aproveitou todos os estágios de sua carreira porque só focou no cargo “lá de cima”.

Há vários pontos que isso pode envolver: desde um desenvolvimento superficial – que terá impactos futuros; passando por a uma alta angústia, como o mais sensível: deixar de analisar as pistas à medida que segue o caminho… pode ser que aquele cargo/área que você tanto almeje não faça o menor sentido dentro de alguns anos…

Cabe a você estar atento ao momento presente e ir desfrutando dele… lógico que planejar é necessário, é um guia… um esboço… mas viva o real, o dia a dia e vá o observando que a vida tem vários caminhos e dá os sinais.

Um ponto que não posso deixar de trazer é que para chegar mais rápido, muitas vezes é preciso abrir mão de outras coisas… qualidade de vida, família, amigos… em prol do trabalho. Será que isso não fará falta lá na frente?!

Outro aspecto é… se você chegar muito rápido onde você quer (antes dos 40 é uma boa métrica), talvez você queira mais… no entanto, a vida não terá a mesma equação exponencial depois de uma faixa etária… Será que você não sentirá falta desta “velocidade”?

Já conheci casos que profissionais brilhantes chegaram rápido demais ao topo – antes de 40, depois disso estava tão acostumado a “crescer para cima” – que se esqueceram ou se perderam no “crescer para frente ou para o lado” para sustentar o que conquistaram… vivenciando crises existenciais pesadas.

Chegar mais longe muitas vezes exige “velocidade constante” e bom equilíbrio… quero dizer que “nem só de trabalho vive o homem, ou a mulher”… para chegar mais longe, você precisará ter uma boa base: com saúde, com família, com valores espirituais… coisas que sustentem você primeiro como ser-humano para que depois você coloque a roupagem de profissional e não se perca – neste papel/personagem tão tão em nossas vidas.

Cuidado com os “atalhos” para ir mais rápido…- nem tudo na vida tem placa de retorno… e não precisa ser tão duro ao ponto de o “atalho” ser ilícito (isso seria game over)… o atalho muitas vezes pode ser algo que custe muito caro para sua vida pessoal.

Enfim… chegar rápido ou chegar longe?! Chegar na melhor equação?!

O segredo é estar atento ao momento presente, ser maestro de sua vida, atento como a vida se constrói… percebendo o que será mais sustentável para você…

Grande abraço,

Debora.

Licença Creative Commons
Blog com Dicas de Carreira de Debora Miceli é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil.
Based on a work at www.dicasdecarreira.com.